sábado, setembro 19, 2009

E não há nada mais triste, não é assim?

"Sozinho, leva nas retinas um lume de heroína, uma vaga memória de pés descalços na areia molhada, do terno hálito da mãe após um beijo na testa e do cheiro a mar no pescoço do pai, a cabecear de sono puro no colo quente." (Caixa de Petri)

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial