sexta-feira, junho 18, 2004

Descobrir

Não pude deixar de ver o sedentário e o post scriptum. Sempre tive esta ideia inocente: os portugueses não descobriram os indígenas da terra que já era e que mais tarde viria a ser o Brasil. Eles já lá estavam. Ou será que, no momento em que os seus olhos se encontraram apenas aos lusos escolhidos era permitido fazer de matriz? Sei que era assim que a Cristandade pensava. Mas isso foi há quinhentos anos. Se há um item a corrigir nestas histórias de viagens e navegações, este é um deles. Os portugueses, os italianos, espanhóis, holandeses não descobriram - chegaram.

Um abraço e até logo

1 Comentários:

Blogger Carlos Neves disse...

Meu caríssimo amigo,
Conheces-me. Sabes da minha desconfiança arreigada de tudo o que emana de nacionalismos bacocos. A glorificação das "epopeias" lusas está entre esse rol de exercícios patrioteiros que me repugnam.

Não me incomodaria absolutamente nada que alguém lograsse provar que os orientais foram pioneiros nos mares "nunca dantes navegados". Chateia-me, isso sim, que Gavin Menzies o afirme partindo de premissas pouco sólidas, para não dizer tíbias.

6:17 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial