sábado, dezembro 03, 2005

Regras da Moderna Vida em Sociedade Sem Emoção

Estou a ver uma reportagem sobre o Nagorno-Karabakh. As pessoas vivem mal, umas sozinhas, outras com a família - mas a sensação é de isolamento que perpassa por cada situação filmada, como se um bebé ao colo pudesse ser não a melhor coisa do mundo mas apenas mais uma preocupação. A ideia que me fica é "de Fim do Mundo".

Um velhote habita só uma carruagem de comboio que outrora transportou vacas e excrementos de vaca. Diz que perdeu um jovem amigo que se enforcou depois de acabar os estudos. Fala dos irmãos como se entre a infância e o agora não tivesse existido exactamente vida.

Uma família com pais jovens e filhos pequenos de olhar incerto habitam outra carruagem, esta mais arranjada.

E de tudo isto, só uma pergunta me queima na garganta como ferro em brasa: "Que fiz eu para (merecer) ser mais, para ter mais do que estas pessoas?".

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial