quinta-feira, maio 19, 2005

Amigos de sempre II

Finalmente tenho o CD da guitarra e outras máquinas. Vá lá - é ainda melhor do que me lembrava. Voltei ao único lugar onde o deveria ter ouvido, a aldeia dos meus avós. Dias quentes e a adega transformada em quarto como refúgio. Guitarras únicas e paredes de pedra - mais tarde rebocadas e uma cama de casal onde me espreguiçava todas as tardes. Com os sons deste senhor que me atrevo a dizer "o melhor guitarrista do mundo". Ouçam, ouçam porque quem ainda não ouviu, na verdade, ainda não ouviu nada.


Um abraço e até logo

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial